Deputado traz quentinha sobre o Mineirão que pode prejudicar o Cruzeiro

É sabido por todos que a relação entre Cruzeiro e Minas Arena não é das melhores. Basta lembrar que a diretoria celeste chegou a romper contrato com a administradora do Mineirão no ano passado e deixou de mandar suas partidas no Gigante da Pampulha. 

A decisão foi tomada por conta das condições contratuais para usar o estádio e, além disso, pelo fato da Minas Arena ter priorizado shows e eventos de outra ordem no estádio, em detrimento dos jogos, o que tornou a condição do gramado impraticável para o esporte. Algo que pode se repetir nesta temporada. 

Mineirão e Cruzeiro estreiram os laços, mas choque de datas pode acontecer

Recentemente, o Mineirão enviou ao Cruzeiro o calendário de todos os shows previstos para acontecer no estádio em 2024. A maioria será realizada na esplanada. O deputado Professor Cleiton (PV), contou, em recente entrevista à Itatiaia, que percebeu uma mudança de postura na Minas Arena, mas que ainda há a chance da Raposa ser prejudicada com eventos agendados para o Gigante da Pampulha. 

De antemão, vale destacar que, até o momento, a Minas Arena já confirmou quatro eventos no gramado do estádio este ano. Além disso, outros cinco estão em fase de negociação. 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“Essa reunião foi, do ponto de vista técnico e do calendário, extremamente tranquila. Temos algumas preocupações, porque saímos daqui com nove datas para utilização do gramado. Entretanto, o que nós ouvimos da Minas Arena é que se tiver jogo, os eventos serão cancelados ou então serão remanejados para privilegiar o uso do gramado para atividades esportivas”, pontuou o deputado.

A estreia do Cruzeiro no Mineirão neste ano acontecerá na próxima sexta-feira (9), às 16h30, diante do Patrocinense, pela quarta rodada do Campeonato Mineiro. Antes disso, a Raposa enfrentará o Atlético-MG, neste sábado (3), às 19h30, na Arena MRV. 

Comentários estão fechados.