Departamento médico do Cruzeiro recebe uma das missões mais difíceis da temporada

O Departamento Médico do Cruzeiro está vivendo dias decisivos antes da final do Campeonato Mineiro e recebeu uma das missões mais difíceis da temporada para resolver. Antes da final estadual, no Mineirão, contra o Atlético-MG, domingo (7), às 16h30, os profissionais da saúde do clube terão função importante para decidir qual time será escalado por Larcamón.

Para a partida deste domingo (7), o DM terá função decisiva para informar a Larcamón se o zagueiro Zé Ivaldo vai poder jogar. No empate contra a Universidad Católica, o defensor reclamou de dor muscular na coxa esquerda e foi avaliado ainda no Equador. Quando chegou em Belo Horizonte, Ivaldo passou por exames para saber a real condição física.

Zé Ivaldo deixou o gramado do estádio Olímpico Atahualpa aos 35 minutos do segundo tempo. Com isso, Larcamón ainda não tem certeza de qual será a zaga titular e terá apenas um dia de preparação para a final estadual. Neris, Palacios, Villalba e Pedrão são as opções disponíveis.

Para o jogo contra a Universidad Católica, Larcamón relacionou todo o elenco do Cruzeiro, ficando de fora apenas os atacantes Arthur Gomes e Juan Dinneno, que ficaram em BH após desgaste muscular. Os dois estarão a disposição para a final estadual.

Marcelo Moreno escreveu carta aos torcedores do Cruzeiro

Ídolo do Cruzeiro, o atacante Marcelo Moreno vai se aposentar do futebol no próximo domingo (7), no Mineirão, antes da partida contra o Galo, escreveu carta emocionante de despedida emocionante.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“Hoje me dou conta de que, ao abrir mão do melhor contrato da minha carreira, na China, para voltar ao Cruzeiro no pior momento da história do clube, quatro anos atrás, quem falou mais alto foi meu lado torcedor. Era uma situação de vida ou morte. Não fosse a torcida, que jamais abandonou o barco, o time poderia ter acabado ali.”, disse Moreno.

Comentários estão fechados.