Daniel Alves será liberado da prisão neste domingo (4)?

Daniel Alves foi preso de maneira preventiva após ter sido acusado de estuprar uma mulher de 23 anos. Ele segue detido na Espanha e não será solto em breve, uma vez que tudo leva a crer que será condenado no julgamento, que acontecerá no dia 5 de fevereiro. 

Para ser mais preciso, o julgamento terá duração de três dias, entre 5 e 7 de fevereiro, em Barcelona. Na segunda-feira (5), a audiência começa às 10h (horário local). É provável que Daniel Alves preste depoimento no mesmo dia. 

Além disso, no primeiro dia de julgamento também serão ouvidas seis testemunhas. No dia seguinte, ou seja, na terça-feira (6), haverá mais 22 depoimentos de testemunhas. 

Na quarta (7), por sua vez, está prevista a análise de dados periciais relativos ao caso, isto é, exames médicos feitos pela denunciante, além de informações como o circuito interno de TV do local onde o crime teria acontecido. Os detalhes do julgamento foram relatados pelo UOL. 

Todas as versões de Daniel Alves para o mesmo fato

O fato é que dificilmente Daniel Alves sairá dessa. Depois de negar relações sexuais com a denunciante, o jgoador admintiiu posteriormente que o sexto foi feito de maneiro consecutal. Agora, ele tem um novo plano: alegar que estava embriagado na noite do crime e não se lembra do ocorrido. 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Ainda em tempo, vale dizer que a defesa da vítima pede uma pena máxima de 12 anos. Por outro lado, o Ministério Público solicitou nove anos de prisão. Tudo pode mudar a depender do julgamento que será realizado nos primeiros dias dessa semana. 

Comentários estão fechados.