Cruzeiro sofre empate amargo, mas ainda é favorito para ser campeão da Série B 2022

Um empate fora de casa na Série B do Brasileiro pode, sob algumas circunstâncias, ser considerado um bom resultado. Contudo, a partida de ontem entre Cruzeiro e Ituano, apesar do ponto conquistado, deixou um gosto amargo para a equipe mineira. 

Isso porque, além do gol anulado do atacante Edu no final do primeiro tempo, o Cruzeiro esteve com um jogador a mais em boa parte da etapa final. Mas, em termos práticos e de tabela, o ponto somado em Itu foi mais um degrau escalado pelo time rumo ao acesso à Série A.

A situação de momento do Cruzeiro

Com o resultado, a Raposa chegou aos 38 pontos, agora com o mesmo número de jogos em relação aos adversários. Isso porque a partida com o Ituano era válida pela 14ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O duelo foi adiado por conta do compromisso celeste pela Copa do Brasil, diante do Fluminense. 

O Cruzeiro abriu sete pontos de vantagem para o Vasco (segundo colocado) e, o mais importante, 15 em relação ao primeiro time fora da zona de classificação à elite, que, neste momento, é o Criciúma, com 23 pontos.

Por conta do número de vitórias, o time mineiro só poderia sair do G-4, no pior dos casos, em seis rodadas. Desta forma, o Cruzeiro está garantido entre os quatro primeiros até o fim da 21ª rodada da Série B. 

Além disso, de acordo com levantamento do Departamento de Matemática da Universidade Federal de Minas Gerais, o Cruzeiro tem hoje 98,2% de chances de subir à elite do futebol nacional. Antes do empate, entretanto, as chances eram de 98,4%. Ainda de acordo com a pesquisa, o time mineiro tem 74,2% de chances de ser campeão do torneio.

O próximo compromisso do Cruzeiro será neste sábado, às 11h, contra o Guarani, no Brinco de Ouro da Princesa. Para evitar o desgaste com viagens, e o custo com a locomoção, a equipe mineira ficará no interior de São Paulo para o confronto.

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.