Cruzeiro relembra momento emocionante de Ronaldo Fenômeno no clube

Há exatos 29 anos, Ronaldo marcou o seu primeiro gol com a camisa do Cruzeiro. Foi em um 05 de agosto, no ano de 1993, que aquele garoto, que viria a ser o Fenômeno, balançou as redes pelo clube estrelado. A Raposa, à época, estava em uma excursão pela Europa.

Infelizmente, não há registros de imagens do gol. No entanto, isso não impediu que o clube reconstruísse o lance, com uma animação produzida pelo ‘Faz meu gol’. Veja ao final da matéria. A narração foi de Alberto Rodrigues, ícone do esporte, da Rádio Itatiaia, e o sócio de número 60 mil do Cruzeiro.

Ronaldo tinha apenas 16 anos na época e fazia o seu quarto jogo pelo Cruzeiro. Naquele 05 de agosto de 1983, o amistoso da Raposa era contra o Belenenses, no estádio do Restelo, em Lisboa. Ronaldo abriu o placar para a Raposa aos 38 minutos da etapa inicial. A vitória celeste foi por 2 a 0, com um gol de Roberto Gaúcho já no segundo tempo.

O primeiro gol de Ronaldo pelo Cruzeiro

Foi a partir de uma falta que nasceu o primeiro gol de Ronaldo com a camisa do Cruzeiro. Paulo Roberto tocou para Roberto Gaúcho, que cruzou para a área e lá estava, como de costume, o jovem atacante. O futuro Fenômeno cabeceou a bola para o fundo das redes.

Dava-se início a uma linda trajetória de Ronaldo com o Cruzeiro. Ao todo, o Fenômeno disputou 58 jogos com a camisa celeste e marcou inacreditáveis 56 gols, o que lhe conferiu uma média de 0,96 gols por jogo. De fato, os números são fenomenais e extraordinários. 

O que os deuses do futebol não imaginavam é que 28 anos depois de aparecer no Cruzeiro, Ronaldo, que se tornou o Fenômeno conhecido mundialmente, voltaria ao clube celeste. Dessa vez, como dono de 90% das ações da Sociedade Anônima de Futebol (SAF) da Raposa. 

Foi no dia 18 de dezembro de 2021 que aconteceu o anúncio oficial da chegada de Ronaldo como investidor majoritário da SAF cruzeirense. Desde então, Ronaldo vem atuando nos bastidores do Cruzeiro para reverter uma gravíssima crise financeira e devolver ao clube estrelado o seu protagonismo no futebol.

Se dentro de campo Ronaldo é incomparável, fora dele, como um gestor, pode-se dizer que ele vem desempenhando um excelente papel. O Cruzeiro, pela primeira vez desde que foi rebaixado, está na liderança da Série B do Brasileirão e cada vez mais perto de retornar à elite do futebol nacional.

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.