Cruzeiro negocia créditos futuros de Maurício e Paulo

Dentre as muitas dívidas que o Cruzeiro possui, a de R$ 7.430.152,54 milhões entre o clube e o empresário André Cury, “obrigou” a Raposa a ceder créditos de possíveis futuras negociações que envolvam o meia Maurício, atualmente no Internacional, e o zagueiro Paulo de 19 anos.

O acordo foi realizado em 09 de dezembro de 2021, data anterior a compra de 90% das ações SAF Cruzeiro por parte de Ronaldo Fenômeno.

De acordo com o Globo Esporte, a Raposa cedeu a totalidade dos créditos que tiver de qualquer negociação envolvendo os 25% dos direitos econômicos de Maurício e os créditos que tiver da venda também relacionada a qualquer negociação de 25% do total que possui do zagueiro Paulo.

O acordo ainda acrescenta que caso os créditos não atinjam a totalidade do valor de débito do clube, o Cruzeiro deverá pagar o restante em um prazo de 60 dias em relação ao último pagamento efetuado e recebido pelo Internacional, no caso do Maurício, ou da Raposa no caso do Paulo.

Caso ambos os jogadores não forem mais negociados, a equipe celeste terá o mesmo prazo para o pagamento.

Vale ressaltar que André Cury é investigado pela Polícia Civil de Minas Gerais.

A polícia suspeita que as movimentações de quantias realizadas nas comissões, transferências, e renovações na venda do meia uruguaio Arrascaeta, foram realizadas para beneficiar ex-dirigentes e empresários, dentre eles, André Cury.

O valor de débito do Cruzeiro com o agente, se faz de 10 negociações envolvendo ambas as partes, os jogadores negociados são:

  • Orejuela – R$ 1.494.696,23
  • Léo (Renovação) – R$ 1.527.910
  • Kunty Caicedo – R$ 491.530,59
  • Lucas Romero – R$ 1.316.675,26
  • Jadsom – R$ 610.340,28
  • Maurício – R$ 205.756,18
  • Angulo – R$ 316.227,60
  • Zé Eduardo – R$ 479.644,33
  • Raniel – R$ 789.777,95
  • Renato Kayzer – R$ 197.594,12

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.