Jogadores do Cruzeiro diante da torcida. Foto: Divulgação/Reprodução.

Cruzeiro alcança a marca de 60.000 sócios

Com o time em grande fase, líder da Série B do Brasileiro com 31 pontos, seis de frente para o Bahia, por ora segundo colocado, a torcida celeste está em festa. Prova disso está no jogo da última quinta-feira, na vitória diante da Ponte Preta, no Mineirão, por 2 a 0. Mais de 58 mil torcedores fizeram barulho no Gigante da Pampulha em celebração ao resultado.

Além disso, há de se comemorar mais um número marcante da torcida. O clube já ultrapassou a marca de 60 mil sócios torcedores. No início do mês de junho, o novo diretor do setor de negócios do Cruzeiro, Lênin Franco, disse que a equipe projetava chegar a 70 mil sócios até dezembro. 

Vale destacar que antes da chegada da SAF do Cruzeiro, que tem Ronaldo como sócio majoritário, a equipe mineira tinha apenas cerca de 10 mil sócios torcedores ativos.

Relembre a promessa de Ronaldo

No início do mês de junho, o Cruzeiro somava 55.500 adesões ao programa Sócio 5 Estrelas. Em duas semanas, o clube registrou mais de 4.500 novas inscrições, superando, em muito, a expectativa traçada por Franco. 

Com isso, a meta dos 70 mil deve ser batida antes do final do ano e, se tudo der certo, brindada com o acesso à Série A. Se a média atual de crescimento for mantida, por exemplo, o Cruzeiro terá atingido o número estipulado antes mesmo do final de julho. 

Vale lembrar que quando chegou ao Cruzeiro, Ronaldo trouxe à torcida o desafio de alcançar 50 mil sócios e prometeu, se assim acontecesse, uma contratação de peso para a Raposa.

Com a proximidade da abertura da segunda janela de transferência do ano, no dia 18 de julho, a torcida celeste espera um novo nome para reforçar o time orquestrado pelo técnico Paulo Pezzolano. 

De todo caso, a adesão da torcida ao sócio torcedor é fundamental para o respiro financeiro do clube. Desde que assumiu a gestão do Cruzeiro, Ronaldo afirmou que esta era a única fonte de receita que ainda não havia sido empenhada pelas antigas gestões.

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.