Chegada de Larcamón coincidiu com a descoberta de problema crônico no Cruzeiro

O técnico Nico Larcamón está trabalhando no Cruzeiro desde o dia 6 de janeiro, está montando um modelo de jogo para a equipe, vem colhendo bons frutos, mas está tendo que lidar com problema crônico do time, que acabou trazendo prejuízos no empate contra à Tombense, neste domingo (10), em 0 a 0, no Ipatingão.

Apesar dos bons números, tendo apenas duas derrotas no ano, o Cruzeiro está se marcando por ser uma equipe com muitos casos de indisciplina, que virou um problemão para o treinador, que vem quebrando a cabeça para soluciona-los.

Contra à Tombense neste domingo (10), Zé Ivaldo e Marlon foram expulsos e serão desfalques para o jogo da volta, que acontece neste sábado (16). Até aqui pelo Campeonato Mineiro, o Cruzeiro já levou 26 cartões amarelos e cinco vermelhos, sendo líder em ranking, que tem o América em seguida com 27 e depois o Galo com 24.

Se contar apenas os cartões vermelhos, a equipe está atrás do Itabirito, seis a cinco. Os cinco do Cruzeiro estão divididos em três partidas: diante do Tombense (2), Athletic (2) e América (1), onde os zagueiros Zé Ivaldo e Neris; o lateral-direito Wesley Gasolina; o lateral-esquerdo Marlon; e o volante Lucas Romero foram punidos.

Zé Ivaldo, que acabou sendo expulso, é também o líder de cartões amarelos, com cinco até o momento. Zé Ivaldo (5); Marlon (5); Neris (3); Matheus Pereira (3); Arthur Gomes (2); Mateus Vital (1); Filipe Machado (1); Rafael Elias (1); Romero (1); Gasolina (1); Lucas Silva (1); Juan Dinenno (1); William (1). Após o jogo, Zé Ivaldo usou as redes sociais para pedir desculpas aos torcedores pela expulsão.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

O Cruzeiro volta a campo neste sábado (16), contra a Tombense, no Mineirão, pela semifinal do Campeonato Mineiro, às 16h30. Mais de 15 mil ingressos já foram vendidos para a partida.

Comentários estão fechados.