Brock. Foto: Divulgação/Reprodução.

Capitão do Cruzeiro, Brock comenta sobre reencontro com Fábio

Quis o destino que Cruzeiro e Fábio se reencontrassem dentro dos campos do Brasil. Após a saída, diga-se, conturbada, do clube, o eterno ídolo celeste, hoje no Fluminense, será adversário da Raposa na próxima quinta-feira (23), pelas oitavas de final da Copa do Brasil.

O capitão do Cruzeiro, Eduardo Brock, que chegou a trabalhar ao lado de Fábio em 2021, comentou sobre o reencontro. Agora em lados opostos, cada um irá defender com as armas que tem o seu clube, afinal de contas, em um jogo mata-mata, alguém sempre irá morrer pelo caminho. 

Do outro lado das trincheiras

Em entrevista ao programa Mesa Redonda, Eduardo Brock, ao comentar sobre Fábio, fez questão de ressaltar o carinho e respeito que sempre terá pelo jogador que mais vezes vestiu a camisa do Cruzeiro, mas que para avançar de fase, a Raposa terá que ‘fazer gol nele’.

“Ele é um ídolo de muitos, senão de todos os cruzeirenses, mas hoje ele está na equipe adversária. Tenho certeza que ele quer fazer o melhor jogo da carreira dele contra o Cruzeiro. Ele vai fazer de tudo para que a gente não faça um gol nele”, disse Brock.

Em 2021, o zagueiro e o ex-goleiro celeste estiveram juntos na campanha da Série B. Na oportunidade, o Cruzeiro não conseguiu mostrar um bom futebol dentro de campo, por numerosas razões, e terminou o campeonato apenas em 14º, com 48 pontos.

Mas havia esperança. A equipe parecia se estruturar com  Vanderlei Luxemburgo na reta final da competição e, ao que tudo indicava, manteria uma base para a temporada seguinte. 

Eis que Ronaldo adquiriu 90% das ações da SAF do Cruzeiro e promoveu uma rápida mudança no elenco, para torná-lo, nas palavras do gestor, sustentável. O resultado vem sendo colhido pelo caminho. A equipe mineira lidera a Série B com 31 pontos.

Eduardo Brock explicou que, apesar de ter profunda admiração por Fábio, o objetivo do Cruzeiro é vazá-lo. “O Cruzeiro precisa vencer e passar de fase. Para isso, a gente tem que fazer um gol nele e fazer um bom jogo”, finalizou o capitão celeste.

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.