Eduardo Brock. Foto: Cruzeiro/Reprodução.

Brock vacila e pede desculpas para torcida do Cruzeiro

O Cruzeiro terá um importante desfalque no jogo contra o Vasco, terceiro colocado no Campeonato Brasileiro da Série B, neste final de semana. Trata-se do xerife Eduardo Brock, que, após seis jogos pendurado, levou o terceiro cartão amarelo e cumprirá suspensão. 

A equipe celeste irá enfrentar o Vasco no próximo domingo (12), às 16h, no Maracanã, Rio de Janeiro. Sobre a sua ausência nesta partida, Brock lamentou a situação, mas garantiu que estará na cidade maravilhosa para empurrar o time. 

A jornada do herói

Até o ano passado contestado pela torcida celeste, Eduardo Brock, sob o comando do técnico Pezzolano, tem sido um titular absoluto. Líder dentro e fora de campo, Brock estampa em seus braços a faixa de capitão. E como todo bom comandante deve ser, o zagueiro fez questão de ressaltar a força do grupo. 

“Nós estamos com a equipe bem. A parte da frente vem fazendo um trabalho bem feito. Estamos sofrendo bem pouco atrás. Isso mostra uma equipe bem consistente. Eu fico triste por não participar de um jogo tão importante, mas sei que quem entrar vai entrar muito bem”, disse o capitão ao portal O Tempo Sports. 

Com o desfalque, o técnico uruguaio pode voltar ao esquema com dois zagueiros, ou optar por um homem improvisado na última linha, para manter o esquema tático que vem dando resultado. 

Eduardo Brock ressaltou o bom desempenho da comissão técnica à frente do Cruzeiro, e depositou sua confiança na decisão que Pezzolano tomará.

“É mérito da comissão, que trabalha todo mundo da mesma forma, fazendo com que os jogadores entrem no mesmo nível. Acredito que a gente vá muito forte para essa decisão, porque é uma decisão mesmo”, finalizou. 

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.