Barcelona define modelo de negócio perfeito para liberar Vitor Roque

O Barcelona não fechou portas para negociar o garoto Vitor Roque, de 19 anos, que foi comprado pelo clube em janeiro de 2024 por quase R$ 400 milhões, não se firmou e pode ter rodagem em outras equipes para dar ter experiência. Formado na base do Cruzeiro, Roque foi vendido ao Athlético por R$ 24 milhões e pouco tempo depois negociado novamente por quantia absurda.

Sem querer perder o jogador em definitivo, o Barcelona estuda empresta Vitor Roque, mas desejo do jogador pode pesar, já que Roque quer mostrar qualidade e serviço ao técnico Hansi Flick, que foi contratado pelo clube para a próxima temporada. Com problemas financeiros, o Barça pode ser forçado a cede-lo, já que não tem certeza se vai conseguir inscreve-lo, tendo que resolver problemas com Fair Play financeiro.

Em janeiro, quando chegou, Vitor Roque só conseguiu atuar pelo Barcelona “graças” à lesão do meio-campista Gavi, que ficou de fora do restante da temporada e ocupou a vaga. De acordo com informações do jornalista Gianluca Di Marzio, a Fiorentina, da Itália, está muito interessada em Vitor Roque. A equipe possui Arthur Melo como brasileiro e deu rodagem a Arthur Cabral, que atualmente está no Benfica.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

O Cruzeiro volta a campo no próximo domingo (30), contra o Flamengo, pela décima terceira rodada do Brasileirão, no Maracanã, às 18h30. A Raposa está na quinta colocação com 20 pontos e vem de vitória por 2 a 0 diante do Athlético-PR, com gols de Gabriel Verón e Vitinho.

Comentários estão fechados.