Atleta do Cruzeiro conta à torcida como é a sensação de comemorar contra o Atlético

O Cruzeiro vem ganhando do Atlético-MG nos últimos tempos com grande facilidade e vem dando alegria aos torcedores e jogadores. Em fala recente, a jogadora Byanca Brasil comentou da felicidade de ter marcado o gol da vitória contra o Galo na decisão do estadual de 2023, conquistado pelo clube. Camisa 10 da equipe, a jogador afirmou contar com a torcida para tudo.

Parte da comunidade LGBTQIA+, Byanca foi até a bandeira de escanteio e ergueu-a após marcar o gol. Em entrevista recente, a jogadora comentou a importância e a influência para garotas que também sonham em serem atletas profissionais.

“Eu estava entrando em campo com o cabelo bem colorido, já com essa ideia de representatividade. Vejo isso (a luta pelos direitos LGBTQIA+) com muita importância. A Bel, torcedora pela qual tenho um carinho muito grande, meu amuleto da sorte, já sabia que eu ia fazer uma trança e perguntou o que eu iria fazer no cabelo, porque ela iria fazer igual”, disse Byanca Brasil.

Ainda na resposta, a jogador comentou da felicidade de estar entrando na história do Cruzeiro. “Uma menina, que também sonha em ser jogadora de futebol, perguntou o que eu ia fazer no cabelo e fez igual. Isso entra no meu objetivo de querer marcar meu nome na história do Cruzeiro e do futebol feminino com a representatividade”, acrescentou.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

A comemoração foi autorizada pelo clube, mesmo se a jogadora viesse a tomar o cartão amarelo. “Antes de entrar em campo, a Kin falou sobre eu levantar a bandeira. Eu ainda falei que iria tomar cartão amarelo, e ela falou que estava liberado. Além do meu cabelo e da entrada com a Bel, levantar a bandeira deixou mais explícito o quanto a gente quer representatividade dentro dos clubes“, finalizou.

Comentários estão fechados.