Atleta da Seleção Brasileira confirma diagnóstico de câncer

A Seleção Brasileira de Futebol e todos os apaixonados pelo esporte começaram esta semana com dor no coração ao saber que atleta confirmou diagnóstico de câncer. A situação está acontecendo com Luana Bertolucci, que joga pelo Orlando Pride, dos Estados Unidos. Aos 30 anos, a jogadora emitiu comunicado e recebeu o apoio dos colegas.

O comunicado foi publicado na manhã desta segunda-feira (29), onde revelou está realizando tratamento contra o Linfoma de Hodgkin, um tipo de câncer que se origina no sistema linfático. A jogadora contou que recebeu diagnóstico nas últimas semanas após fazer uma bateria de exames e que já vai começar a quimioterapia.

A jogadora esteve presente na convocação do treinador Arthur Elias na última data Fifa, mas precisou deixar a Amarelinha durante o período.

“Como atleta profissional já passei por muitos desafios dentro e fora de campo. Sempre enfrentei tudo com coragem e determinação e dessa vez não será diferente. Após realizar exames detalhados nas últimas semanas, fui diagnosticada com Linfoma de Hodgkin. Farei tratamento de quimioterapia e conto com o apoio e as orações de vocês. Quero também agradecer o apoio da minha família e dos amigos que têm me fortalecido nesse momento. Agradeço à seleção brasileira e também ao Orlando Pride pelo apoio incondicional. Peço também respeito à minha privacidade nesse momento. Vamos juntos”, disse Luana Bertolucci

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

O Orlando Pride, clube da jogadora, também se pronunciou. “Lutamos nossas batalhas juntos, dentro e fora do campo, e os atletas e funcionários do Orlando Pride estarão lado a lado com Luana e unidos em nosso apoio a ela durante todo esse processo”, afirmou Haley Carter, dirigente do clube norte-americano.

Comentários estão fechados.