Atacante Fred conquistou sua primeira Libertadores trabalhando em nova profissão

O atacante Fred, que teve passagem marcante pelo Cruzeiro, não conseguiu ser campeão continental pelo clube mineiro, está aposentado e conquistou a sua primeira Libertadores na carreira trabalhando em nova profissão. Aos 40 anos, o ex-jogador deixou os gramados no final de 2022, atuando pelo Fluminense.

Depois de se aposentar, Fred realizou cursos e buscou capacitação para se tornar dirigente. Continuando no Fluminense, onde é um grande ídolo, o ex-jogador está atuando nos bastidores e colaborou para que o clube carioca vencesse a Libertadores pela primeira vez na história. Em 2023, o Tricolor bateu o Boca Juniors na decisão, no Maracanã, por 2 a 1, e ficou com o título.

Fracis Melo, que foi empresário de Fred ao longo da carreira, concedeu entrevista recente e contou os passos do atacante para se tornar dirigente. Em seu primeiro ano em outra função, já teve conquistas e começou com o pé direito.

“Ele simplesmente ficou encantado com aquilo, mas ele falou: “Cara, eu vou viver o Fluminense. Eu quero o Fluminense. Enquanto as portas do Fluminense estiverem abertas para mim, eu quero ficar porque eu gosto”, disse Fracis Melo.

Antes com o interesse em virar treinador, Fred se encontrou em nova função e pode ter mudado de ideia para o futuro. “Uma palavra que define o Fred e que provavelmente irá definir o Fred como profissional fora das quatro linhas é: humanidade. Ele sempre me ensinou o seguinte, antes de enxergar o seu atleta como mercadoria, enxergue como um ser humano, tente entender as necessidades, as carências, ver esse lado. O Fred é um cara muito perspicaz, ele capta muito rápido as situações”, completou o empresário

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Formado na base do América, Fred teve passagens por Atlético-MG e Cruzeiro no futebol mineiro. Na Raposa foram 69 jogos e 25 gols marcados.

Comentários estão fechados.