Atacante é PROIBIDO de defender outra equipe na Série A e Cruzeiro fica sem reforço

Não é segredo para ninguém que o Cruzeiro está em busca de reforços ofensivos para a sequência da temporada regular. De antemão, vale lembrar que a janela de transferências será aberta em 10 de julho. 

A corrida da diretoria celeste por um atacante tornou-se ainda mais urgente após a confirmação de que o argentino Juan Dinenno, por conta de uma cirurgia, ficará fora de combate por cerca de três meses. 

Cruzeiro procura atacante, mas CBF proíbe estreia de reforço em 2024

Diante deste cenário, o Cruzeiro demonstrou interesse na contratação do atacante Júnior Santos. Porém, ao entrar em campo no último final de semana com o Botafogo, o atleta chegou ao sétimo jogo pelo clube na Série A do Brasileirão e, portanto, não poderá defender outra equipe nesta edição do torneio.

Não custa dizer que Júnior Santos marcou o gol da vitória do Botafogo sobre o Corinthians, no sábado (1º), na Neo Química Arena. Após a partida, o jogador comentou sobre o interesse do Cruzeiro, mostrou bastante contentamento em ter seu nome ligado à Raposa, mas afirmou que quer seguir no time carioca. Ele tem contrato assinado até dezembro de 2025. 

“Eu tenho um contato com o Botafogo, estou feliz aqui e essa parte extracampo eu prefiro focar nos objetivos do clube, com o qual tenho um contrato, e no meu objetivo na temporada. Fico feliz que uma grande equipe como o Cruzeiro tenha procurado, mas eu estou feliz aqui no momento e quero fazer o meu melhor com o Botafogo. Espero renovar o contrato”, disse. 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Até o momento, o Cruzeiro anunciou a contratação de um reforço para o segundo semestre de 2024. A saber, trata-se do goleiro Cássio, que deixou o Corinthians e, ao que tudo leva a crer, assumirá a titularidade no time de Fernando Seabra.

A próxima partida do Cruzeiro será na quinta-feira da semana que vem, 13 de junho, às 19h, no Mineirão, contra o Cuiabá. A Raposa vem de derrota na Série A para o São Paulo, por 2 a 0. 

Comentários estão fechados.