Apresentação de Gabriel Barbosa na Europa é adiada; saiba motivo

Gabriel Barbosa voltou a marcar com a camisa do Flamengo e de certa forma ganhou uma sobrevida no clube carioca. No entanto, a situação do atacante está muito longe de ser resolvida. Aliás, o clube afirmou que só irá definir o futuro do jogador após o julgamento na Suíça.

Gabigol seria julgado nesta sexta-feira (7), na Suíça, pela Corte Arbitral do Esporte. No entanto, a sessão foi adiantada e uma nova data ainda não foi revelada. A tendência é que aconteça no segundo semestre de 2024. Punido por tentativa de fraude no exame antidoping, o atacante está liberado para atuar devido a um efeito suspensivo. 

Gabriel Barbosa faz as malas para deixar a Europa

O adiamento do julgamento aconteceu por um pedido feito pela União Federal, que alega que não foi devidamente notificada e, por isso, não indicou um árbitro para participar da sessão. O órgão federal solicitou o aditamento, aceito pela Corte Arbitral do Esporte. 

Grosso modo, o julgamento acontece da seguinte forma: três árbitros participam do julgamento da peça. Um deles é indicado pela defesa de Gabigol, outro indicado pela Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem e outro pela Corte (este, o presidente da mesa).

Como mencionado, o julgamento estava marcado para esta sexta-feira e, inclusive, Gabigol já estava na Suíça quando foi avisado do adiamento. 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Desportivamente falando, Gabriel Barbosa tem contrato assinado com o Flamengo até dezembro deste ano. No entanto, a sua permanência no clube tornou-se ainda mais incerta, em especial após o atleta ser flagrado vestindo uma camisa do Corinthians em uma festa na sua casa. 

Comentários estão fechados.