Alexandre Mattos se destaca nos bastidores do Cruzeiro após atitude impensável

O executivo Alexandre Mattos, do Cruzeiro, está se destacando nos bastidores do clube após atitude impensável que caiu bem. Recém chegado ao clube vindo do América-MG, Mattos foi contratado para comandar o setor de futebol da Raposa na gestão de Pedro Lourenço, que comprou a SAF de Ronaldo Fenômeno. Esta é a segunda passagem do dirigente no clube mineiro.

Em declaração ao grupos de jogadores e comissão técnica, Mattos falou da campanha da Libertadores de 1997 para motiva-los em jogo da Sul-Americana. Vivendo outro momento, fora da disputa da principal competição internacional do continente, o clube sonha com conquista internacional para dar felicidade aos torcedores.

“Libertadores de 97, os três primeiros jogos, o Cruzeiro também não venceu. Igualzinho. Aí, o Cruzeiro ganhou um jogo, foi ganhando, ninguém acreditava e bateu campeão. Tem que ganhar essa p* desse jogo hoje. Não tem outra saída. Estava 3 a 0 lá, vacilamos e tomamos o empate. Tem que ganhar hoje e pensar em classificar e depois buscar esse título”, disse Mattos.

Em 1997, o time perdeu as três primeiras rodadas (Grêmio, Alianza Lima e Sporting Cristal), mas reagiu e se classificou para a fase de mata-mata. A ideia do Cruzeiro, que não começou bem a Sul-Americana é repetir os feitos e voltar a conquistar um torneio internacional. Ainda no vestiário, o goleiro Anderson também falou com o grupo e afirmou que a situação será revertida.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“Vamos resolver esse problema, cara. A gente se colocou nessa situação e a gente vai tirar, velho. São três jogos, três vitórias. Visualiza isso, velho”, afirmou o goleiro celeste.

Comentários estão fechados.