5 treinadores importantes na história do Cruzeiro

A história do Cruzeiro é recheada de grandes treinadores, que conquistaram títulos de peso e firmaram seu nome na memória dos milhões de torcedores. Comandado atualmente por Nico Larcamón, o Cabuloso espera poder colocar no futuro o nome do argentino no rol de grande comandantes do clube, mas para isso vão precisar trabalhar e muito no sucesso da equipe. Veja cinco importantes a seguir!

O primeiro é Paulo Autuori, que foi treinador do Cruzeiro em três oportunidades (1997, 1999-2020 e 2007), mas seu melhor trabalho foi na primeira passagem, quando conduziu o time ao título da Copa Libertadores da América do ano de 1997. Além de vencer a competição continental, também venceu o Campeonato Mineiro do mesmo ano, e para muitos, foi na equipe mineira em que atingiu grande parte do prestígio que possui atualmente.

O segundo é Mano Menezes, que foi responsável por um feito inédito na história do futebol brasileiro: Ser bicampeão consecutivo da Copa do Brasil, nos anos de 2017 e 2018. Entre os 3 anos em que comandou o time mineiro, Mano Menezes teve duas conquistas nacionais e ainda venceu duas edições do Campeonato Mineiro (2018 e 2019). Entre as duas passagens que teve, foram 235 jogos, tendo 112 vitórias, 69 empates e 54 derrotas, apresentando aproveitamento de 57,45%.

Já o terceiro é Zezé Moreira, Irmão de Ayrton e Aymoré, que também tiveram sucesso no futebol nacional, Zezé Moreira foi peça fundamental nas conquistas da Copa Libertadores da América de 1976, além do Campeonato Mineiro de 1975. Também fez sucesso em outros clubes do futebol brasileiro, principalmente no Fluminense. É considerado um dos primeiros grandes ídolos do Cruzeiro.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

O quarto é Marcelo Oliveira, que como jogador teve grande identificação com o rival Atlético-MG, como técnico, seu sucesso absoluto foi no Cruzeiro. Comandou o time no seu ressurgimento aos grandes tempos, sendo peça importante nos 3 títulos que conquistou, sendo duas edições do Campeonato Brasileiro (2013 e 2014) e uma edição do Campeonato Mineiro (2014). Sob o comando da Raposa, foram 169 partidas entre os anos de 2013 e 2015, sendo 105 vitórias, 32 empates, além de 32 derrotas, com aproveitamento de 68,44%.

O quinto é Vanderlei Luxemburgo, que é considerado por muitos como um dos maiores nomes da história do futebol brasileiro, Vanderlei Luxemburgo teve apenas duas passagens pelo clube mineiro, mas foi extremamente importante para colocar o time entre os maiores do Brasil, e produzir um dos melhores times que já jogaram no nosso país. Foi campeão da tríplice coroa (Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil e Campeonato Mineiro) no ano de 2003. No total, comandou o time em 126 jogos, tendo 74 vitórias, 25 empates e 27 derrotas.

Comentários estão fechados.