Advogado que defendeu o goleiro Bruno ganha fama novamente no Brasil

O ex-goleiro Bruno Fernandes foi condenado, em 2013, a 22 anos e três meses de prisão por homicídio, ocultação de cadáver, sequestro e cárcere privado de Eliza Samudio. Um de seus advogados de defesa foi Cláudio Dalledone Júnior. Desde então, o criminalista ganhou fama em casos no Brasil. 

Atualmente, Cláudio Dalledone é considerado um dos advogados criminalistas mais solicitados do país e assumiu a defesa dos três homens acusados de envolvimento em um duplo homicídio ocorrido em uma conveniência de Navegantes, em dezembro de 2023. Entre os acusados, encontram-se dois policiais militares.

Advogado do goleiro Bruno já defendeu outros casos famosos no Brasil

Cláudio Dalledone Júnior, natural do Paraná e com escritórios em Curitiba/PR e no Rio de Janeiro/RJ, é conhecido por sua atuação em casos policiais de grande repercussão em todo o Brasil, como os envolvendo as mortes de Eliza Samudio e do menino Henry Borel.

Além de ter representado o goleiro Bruno e o Dr. Jairinho, Dalledone já defendeu grandes figuras, como a família Brittes, acusada pelo assassinato do jogador Daniel Corrêa, e Luiz Felipe Manvailer, acusado pela morte da advogada Tatiane Spitzner.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

O advogado também prestou assistência jurídica a personalidades brasileiras conhecidas, como Antonia Fontenelle e o lutador Anderson Silva.

Ainda em tempo, vale dizer que, recentemente, o filho de Bruno com Eliza Samúdio concedeu uma entrevista e comentou sobre a relação com o seu pai biológico. O ex-goleiro tentou negar, mas acabou reconhecendo a paternidade em seguida.

“Tenho nada, tenho pena só. É só isso que tenho para falar. Ele tinha uma carreira muito incrível pela frente e destruiu tudo”, disse o garoto. “Era um bom atleta, só que não era uma boa pessoa”, disse o filho.

Comentários estão fechados.